terça-feira, 27 de setembro de 2011

Adeus a D. Edite do Pium - Por Esso Alencar






        Perdemos repentinamente este final de semana a D Edite do Pium. Ela passou mal no fim da tarde da sexta-feira 23 e foi-se embora.
        O enterro do seu corpo aconteceu no cemitério do lugarejo onde nasceu e criou-se e cantou nesses seus últimos anos da vida.É dela a autoria da canção Zu Zun Zum, onde descreve a cronologia da vila do Pium, contando causos pitorescos e bem fiéis à história do lugar. D Edite tinha pouco mais de sessenta anos e vinha tendo problemas com o diabetes.
          Ela começou a compor já idosa e passou a apresentar publicamente o seu trabalho apenas há 3 anos, quando lançou no Centro Social de sua própria comunidade o CD demo Zu Zun Zum, gravado artesanalmente por mim. O áudio foi registrado em minha residência e foi tratado pelo meu irmão Lula Alencar em Santos – SP.
         Estão contidas quatro faixas autorais, incluindo a que dá título ao disco, e mais Sereia, Samba do Sertão e Na Beira da Praia, além de uma deliciosa versão para O q é q o Eusébio vai Fazer?, música que compus e gravei no CD Bossta Nova, com a participação de quatro senhoras integrantes do Clube de Mães do Pium, entre as quais se encontrava D Edite. Foi então ali que despontou a sua voz expressiva, me chamando a atenção.
        Durante o processo de ensaios para a gravação em estúdio foi feito um filme em vídeo, captado e editado por Maurício Montecinos, depois apresentado num documentário que veio a ser chamado “O Que É ... ?”, com 30 min de duração.
        Mais tarde D Edite fez um registro mais amplo do seu repertório através do projeto Núbya Lafayete, em parceria com a FJA, onde foi dirigida e produzida por Mazinho Viana. Também abriu as apresentações da mini-turnê realizada para lançar o meu segundo disco (Alma de Poeta) na região metropolitana de Natal. Fez ainda participações em eventos de Parnamirim, e era assídua nas programações do Pium, tendo sido homenageada na edição do Sarau Locau! em 2009 e na Feira Literária da EE Ma. Araújo em 2010.
       Sua interpretação para ‘zu zun zum’ na festa de abertura do Ponto de Cultura do Pium também foi inesquecível. É por isso tudo que queremos lembrá-la numa homenagem que deverá acontecer na cerimônia de 7º dia da sua morte, próxima sexta, em Pium.

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog

Artigos

Gestão do Blog

Minha foto
Militar Estadual - Estudante de Direito - Área da segurança pública.